abril 06, 2018 |

5 dicas de beleza e autoestima para recém mamães

Hey gente, tudo bem com vocês? A batalha por encontrar o equilíbrio entre a maternidade e ter tempo para se cuidar é conhecida das mães de primeira viagem. Entre cuidar do seu bebê, amamentar, cuidar dos afazeres da casa, sejam eles a limpeza geral ou tratar da lavanderia, é comum sentir-se sobrecarregada e muitas vezes difícil encontrar um pouco de tempo para si.

AutoEstima maternidade - blog rabiscando - OMO

Em primeiro lugar, vale lembrar que a maternidade (e a paternidade), tal como o amor e os desafios que chegam com ela, deve ser uma experiência compartilhada entre um casal e até com os seus familiares e amigos mais próximos. Confie neles, respire fundo e confira as nossas 5 dicas de beleza e autoestima para não esquecer de si após a maternidade.

AutoEstima maternidade - blog rabiscando - OMO 2 1. Feliz com a aparência

Com a correria, maquiar deixou de ser uma atividade prazerosa e passou a ser um caos, especialmente ao ter de lidar com acidentes ao tentar fazer tudo ao mesmo tempo? No fim, acabou tendo de lidar com maquiagem na roupa e tendo de ver como tirar mancha de base da roupa minutos antes de sair?

Se a gravidez traz o brilho no olhar, o nascimento traz algumas marcas de cansaço, que também influenciam para a balançar a autoconfiança. A dica é não esquecer do que te faz bem externamente.

Pare de se lamentar pelas roupas pré-gestação que não lhe cabem mais e aprecie as mudanças que a maternidade trouxe ao seu corpo. Encontre novas roupas para chamar de “favoritas”.

Conte com familiares e amigos para cuidar do rebento e tire um dia de princesa: vá ao salão, inove no corte de cabelo e até mesmo peça dicas a um especialista para encontrar um tipo de maquiagem do dia a dia que se adeque ao seu tempo e encontre formas de retomar o bem-estar ao se olhar no espelho.

2. De olho na alimentação

É compreensível que tudo gire em torno da amamentação nesse momento. O que comer, o que não comer, quantas vezes comer. Por isso, é essencial o acompanhamento nutricional.

Inserir alimentos dos quais têm prazer em comer também ajuda no humor. E não estamos falando só de chocolates e doces.

Muitas mães querem perder peso cortando carboidratos da dieta. Cuidado! O carboidrato ajuda a produzir serotonina, substância relacionada à sensação de bem-estar.  Alimentos ricos em ácido fólico, como o espinafre e a laranja, ajudam a produzir substâncias que combatem a depressão, assim como cereais e frutas secas, que são ricos em magnésio.

Por isso, conte com uma ajuda profissional para não eliminar do prato as coisas que gosta, unindo-as a uma dieta balanceada com vegetais, legumes (de preferência orgânicos), grãos e nutrientes.

Evitar bebidas alcoólicas, consumo de conservantes e certificar-se de que nenhum alimento que esteja sendo consumido contém substâncias alérgicas ao bebê também é importante para a amamentação e saúde materna.

3. Hidratação: por dentro e por fora

Hidratação é essencial não só para manter o corpo saudável. O consumo de água ajuda a equilibrar a produção hormonal e, inclusive, pode ajudar a evitar o sono ou cansaço excessivo. O corpo humano precisa de, no mínimo, 2 litros de água por dia. Por isso, estabeleça a meta usando uma garrafa e certifique-se de que a consumiu completamente ao longo do dia. Afinal, a desidratação afeta a oxigenação do cérebro e faz com que a gente se sinta ainda mais cansado.

Para a pele, é essencial o uso de cremes hidratantes, pois a pele de uma recém-mãe pode apresentar diversos pontos secos, marcas da gravidez e até mesmo estrias, que podem ser controladas com os cremes ideais.

4. Cuidados com o corpo

Atenção! Não estamos falando sobre mamães fitness que querem perder 10kg em um dia. Adotar uma rotina de exercícios físicos moderados após dar à luz pode ser uma das formas de recuperar a autoestima e tirar o foco de perder peso. Afinal, o corpo e a rotina tomarão conta disso para você.

Procure exercícios que ajudem a relaxar. Temos como exemplo ioga, pilates, natação e até mesmo dança, caso sinta-se preparada para uma atividade mais pesada. A combinação de música com atividade física ajuda a produzir a maravilhosa endorfina, que traz a sensação de bem-estar, ajudando a recuperar a autoestima após o período de gestação.

AutoEstima maternidade - blog rabiscando - OMO 3

5. Tempo para si

Muito se fala sobre temas como depressão pós-parto, exaustão e fadiga com a maternidade. A alegria da chegada da criança pode ser além da conta, mas ainda assim, para a mulher, mudanças de humor são comuns, especialmente com a responsabilidade de cuidar de uma nova vida.

Meditação e momentos de ócio são essenciais para o bem-estar. Seja lá o que for que lhe dê prazer, encontre ao menos 15 minutos do dia para se dedicar a isso. Pode ser que ouça a sua música favorita, assista a um trecho de novela ou até mesmo tome um longo banho quente antes de dormir, mas tire um tempo para recarregar suas energias sem ninguém por perto.

Gostou das dicas? Comente abaixo sua experiência sobre como recuperou a sua autoconfiança e dê dicas às nossas leitoras de como conciliar a maternidade com o cuidado consigo mesma! Para mais dicas e experiências, confira a seção maternidade.

Para ficar mais pertinho do Rabiscando e receber todas as novidades em primeira mão, aperte o botãozinho vermelho abaixo e me deixe mega feliz:

Aproveite e siga o Rabiscando nas Redes Sociais para ficar por dentro de todas as dicas e novidades: Facebook – Youtube – Instagram – Twitter – Google+

|Este foi um post em colaboração com OMO!|


Deixe o seu comentário

to no instagram!
@angelicaanicesio

Blog Rabiscando • todos os direitos reservados © 2018 • powered by WordPress • Desenvolvido por